Redução do limite diário de saque na Rede Compartilhada e Banco24Horas

O Bancoob participa do compartilhamento de redes da TecBan como Banco emissor, o que permite aos cooperados utilizarem os cartões para saque em toda Rede Compartilhada. Com esse compartilhamento, é possível o saque com os cartões emitidos pelo Bancoob em caixas eletrônicos de outros bancos.

Ocorre que a tecnologia atual desses terminais faz a leitura do chip apenas dos cartões emitidos pelo banco proprietário dos caixas eletrônicos. Quanto às transações realizadas com os cartões de outros bancos e do próprio Bancoob, o processamento é feito por meio da leitura da tarja magnética, o que tem possibilitado a ocorrência de elevados índices de perdas com fraudes.

Com o aumento de tentativas de fraudes e, consequentemente, da elevação de transações contestadas em todo o território nacional, foram implementadas medidas preventivas importantes para conter o avanço da fraude.

Entre essas medidas, destaca-se o aumento de regras direcionadas aos saques na Rede Compartilhada e no Banco 24 Horas (realizadas via tarja magnética) e o monitoramento dessas transações por meio da ferramenta neural, aplicada quando a transação é realizada em região diferente do município do cooperado.

Contudo, mesmo com o desenvolvimento de todas essas ações preventivas, os medidores de fraude não refletiram a redução esperada.

Tendo em vista esse cenário, o limite de saque diário passará a ser de R$ 200,00 para os saques realizados via tarja magnética nos terminais eletrônicos da TecBan. Tal medida vigorará até que as novas regras surtam o efeito desejado e os registros de fraude retornem à normalidade em todo território nacional.

Tais medidas de prevenção estão previstas no Manual de Prevenção a Fraudes, que versa em seu Título 2, Capítulo 1, item 5, subitem “Visando mitigar riscos de fraude, o Bancoob poderá adotar, ainda que temporariamente, limites diferenciados por região ou por rede de utilização”

Os saques realizados nos terminais do Banco 24 Horas com a leitura do chip permanecem inalterados.

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *